O que comer antes e depois do treino?

Atividade física na gestação influencia desenvolvimento dos bebês
maio 29, 2018

 

O que comer antes e depois do treino para contribuir com os resultados do treino é uma dúvida muito comum para quem pratica atividade física. A alimentação é essencial tanto para quem treina visando a perda de peso quanto para quem quer ganhar massa muscular. Academia e alimentação tem que andar “de mãos dadas”.
De acordo com o site da NatueLife, para que o organismo tenha energia e ao mesmo tempo queime calorias, é necessária uma alimentação equilibrada antes e depois do exercício físico. Mas não é qualquer alimento, deve-se priorizar alguns e dispensar outros, para que o corpo tenha o seu melhor rendimento.
Algumas dicas são valiosas, como o intervalo de tempo e o que tipo de alimento. A Revista Boa Forma sugere algumas: Dependendo do intervalo que você tem entre comer e treinar, deve priorizar alguns nutrientes e dispensar outros, buscando melhorar o rendimento. “Até uma hora e meia antes do treino, coma proteína (ovo, atum, frango), importante para a recuperação e a manutenção dos músculos, e carboidrato (pães e biscoitos integrais e frutas), que faz com que o organismo consuma açúcares e gordura durante o exercício”, explica a nutricionista Alessandra Caviglia, também da capital paulista.
Só dá para você comer uma hora antes do exercício? Então fique apenas com o carboidrato e dispense a proteína. Caso esse intervalo seja ainda menor (de 40 a 30 minutos) prefira biscoitos e pães refinados – eles ficam menos tempo no estômago e garantem a energia necessária para malhar. “A proteína tem uma digestão mais demorada e, ingerida perto da aula, pode causar mal-estar, atrapalhando o desempenho“, diz Cibele. É por isso que aquele inocente iogurte consumido no caminho da academia parece brincar de vaivém durante a aula. Porém, terminado o treino, a proteína volta a ser bem-vinda. “O ideal é consumi-la na primeira hora após a aula, quando as fibras musculares, que sofreram microlesões durante o exercício, começam a se regenerar”, diz Cibele.